INTRODUÇÃO AO CULTO CRISTÃO

O culto cristão atribui com alegria todo o louvor, honra, glória e poder ao Deus triúno. Através do culto, o povo de Deus reconhece a sua presença no
mundo e em sua vida e, ao responder à sua ação redentora em Jesus Cristo, é transformado e renovado. No culto, os fiéis oferecem-se a Deus e por Ele são equipados para o seu serviço no mundo. O Espírito Santo faz as pessoas tomarem consciência da graça de Deus e de seus direitos sobre suas vidas, levando-as a invocar o seu nome, proclamar os seus poderosos feitos e sua auto revelação, e entregar suas vidas à causa do seu reino no mundo. As primeiras lembranças do povo de Israel falam do encontro entre Deus e os seres humanos. Deus tomou a iniciativa tanto na criação como no pacto, chamando ao arrependimento e oferecendo perdão. Em Jesus Cristo, Deus assumiu totalmente a condição humana por um ato de auto revelação, redenção e perdão. Ao entrar em um mundo fragilizado, Deus, em Jesus Cristo, expiou o pecado e restaurou a vida humana, levando o tempo e o espaço, a matéria e a vida humana à sua plenitude, como instrumentos de louvor e prazer ao seu Criador. Na pessoa e obra de Jesus Cristo, Deus e a vida humana estão unidos, sem serem confundidos, e distintos, sem estarem separados. A vida de Jesus revela o caráter autêntico do culto cristão. Ele é o Deus vivo, presente no viver diário do povo. Aquele que é proclamado no testemunho de fé é a Palavra de Deus pronunciada na criação, a Palavra de Deus prometida e que dirige toda a história do pacto, a Palavra de Deus que se tornou carne e habitou entre nós, aquele que foi crucificado e ressuscitou em poder e que voltará em triunfo para julgar e reinar. Através da Escritura, da proclamação da Palavra e dos sacramentos, Deus em Cristo se faz presente pela ação do Espírito Santo que transforma, fortalece e sustenta a vida humana. No culto cristão, o povo de Deus ouve a Palavra proclamada, recebe a Palavra no sacramento, descobre a Palavra no mundo, e é enviado para seguir a Palavra no mundo. Desde o início, Deus criou homens e mulheres para a vida em comunidade, chamando o povo para com Ele fazer um pacto. Jesus chamou, comissionou e prometeu estar presente junto ao povo reunido em seu nome. O Espírito Santo convoca, reúne, dispõe e fortalece a nova comunidade do pacto. A cada membro o Espírito concede dons para a edificação do corpo de Cristo, equipando-os para a obra do ministério. Em comunidade ocorre a resposta pessoal do cristão a Deus. O povo de Deus responde em palavras e atos de louvor e gratidão, por meio da oração, proclamação, recordação e entrega. Em nome de Cristo, pelo poder do Espírito Santo, a comunidade cristã adora e serve a Deus nas experiências de vida em comum, no discipulado pessoal, no ministério mútuo e no ministério comum no mundo.


(Texto extraído das Ordenações Litúrgicas da IPI do Brasil)

Recent Posts